Breve momento de pausa para quebrar a rotina...

Autoria de textos e imagens do blog é de momento do café


16
Ago 09

Correio da Manhã
16 Agosto 2009 - 00h30
Legislativas: São quatro os filhos de autarcas a concorrer ao lugar de deputado
Familiares ‘enchem’ listas do PSD

A ser verdade, compreende-se o zumbido que vai pelo vespeiro que sempre caracterizou o PSD e é evidente que as contínuas lutas pelo poder e pela opinião única e corrente sempre foram constantes neste partido. Tem-se assistido que há relações tensas no partido desde que foram elaboradas as listas com nomes de alguns candidatos escolhidos. Agora, vem ao conhecimento público que as listas estão cheias de familiares de outros políticos do partido. É um caso de aposta na linhagem. Boa maneira de impor o critério de estirpe e herança nos cargos políticos. Mas é tudo pelo povo e pela causa pública. Entra-se no “carreirismo” político e é sempre a abrir... que um tacho já está no horizonte quando se tem o “privilégio” de nascimento em berço alaranjado. Assim de impulso, leva-me a pensar que o primeiro critério de opção é o pedigree político!!!

publicado por momento do café às 16:25

Actualmente, este dia da semana, o domingo, vai-se tornando equivalente aos restantes dias que a completam. Tem  vindo a perder-se, há muitos e muitos anos, o hábito de o considerar um dia diferente, não só porque é marcado pelo calendário, em termos da nossa civilização, como o dia destinado ao descanso, mas também por ser o dia dedicado, no culto católico, à participação na missa dominical. Estes hábitos têm vindo  a diluir-se e o domingo passou a fazer parte do fim-de-semana mais alargado que, hoje em dia, contempla o sábado. E quantas vezes, quando há feriados, o tal ambicionado fim-de-semana estende-se por mini-férias, sempre tão convenientes quando se pode usufruir das chamadas “pontes”. O domingo, nos grandes centros urbanos, em nada se distingue dos outros dias semanais nas zonas comerciais e de serviços que continuam a funcionar e, isso, sim, para quem tem de trabalhar durante este dia, torna-o mais igual aos outros dias da semana, ainda que os trabalhadores possam beneficiar do direito ao descanso em qualquer outro dia. Mas não será o mesmo porque, olhando a vivência do domingo para a maioria dos mortais que dele podem desfrutar, pode afirmar-se que este dia da semana, por enquanto, no seu caminho para a igualdade semanal por imposição civilizacional da sociedade ocidentalizada, teima em manter  a sua réstia da magia dominical.

publicado por momento do café às 12:08
Tags/etiquetas: , , ,

Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
14

17
20
21

23
24
25
26
28

30
31


arquivos
2019:

 J F M A M J J A S O N D


2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


Dia Mundial da poesia - Desafio Blogs do Sapo 2011

mais sobre mim
pesquisar
 
DIREITOS DE AUTOR

dir autorpq.png

*Textos e imagens de outra autoria e proveniência publicados neste blog são devidamente referenciados no respetivo post.

Porto e o Douro

...........................................................................

Boa Nova: Farol e mar

Do terraço vejo o mar...

o pôr-do-sol...

20161227_170628.jpg