Breve momento de pausa para quebrar a rotina...

Autoria de textos e imagens do blog é de momento do café


29
Ago 09

O início do ano lectivo está próximo e concordo com a existência e implementação, nas escolas, de um plano de contingência de combate à gripe A (H1N1). Para além de esclarecimentos e da promoção de medidas de higiene e desinfecção das mãos, prevê-se que cada escola venha a dispor de uma sala de isolamento para que se evite o contágio generalizado a toda a comunidade escolar e até que se verifique a intervenção dos profissionais de saúde, face a um caso de gripe A que se manifeste durante as horas lectivas. Quantas são as escolas com salas livres? Na maioria das escolas, há salas que possam ser destinadas a esse fim? Poucas escolas poderão dispor de tal disponibilidade. Quem conhece a realidade das nossas escolas, certamente, fica admirado com a previsão desta medida! Mais um desafio às escolas: criem-se salas de isolamento. Ideias e soluções adequadas não faltarão.

publicado por momento do café às 00:57

27
Ago 09

Em educação, para que as mudanças se concretizem, é imprescindível que a escola possua os recursos humanos e materiais que contribuam para a participação plena dos alunos nas actividades de turma e onde todos estão incluídos. O alargamento da escolaridade obrigatória até ao nono ano impôs ao professor outras atitudes para gerir o comportamento de alguns alunos que nada querem com a escola e outros modos de comunicação para trazer, à escola, os alunos que a abandonam. As mudanças só são realmente significativas se tiverem lugar através da perspectiva de inclusão assumida, facto que assenta nas práticas do professor, na sua atitude face ao aluno e ao modo como organiza e faz a gestão das actividades na sala de aula. Com o alargamento da escolaridade obrigatória para doze anos (o diploma foi promulgado pelo Presidente da República),  mais reptos serão exigidos à escola e o Estado terá de corresponder com mais recursos humanos e físicos que permitam à escola e aos professores, a par do ensino competente, disporem de meios pedagógicos e medidas de intervenção concretas e efectivas que concorram para a motivação dos alunos e se traduzam numa aprendizagem empenhada e responsável, com vista a uma avaliação exigente com resultados de sucesso.

publicado por momento do café às 00:07

22
Ago 09

Suspeição, acusação, provocação, invenção, insinuação, maquinação circulam por aí e substantivam uma forma conjuntural de exercer a intriga política para que nela se possa embrulhar a democracia e, de tal modo, que, para finalizar toda esta acção, só reste o acto de atá-la com o laço “dourado” da intolerância e do desrespeito pelo cidadão pacato e cumpridor. Com pretensos tiques de democráticos, sente-se a permissividade destas acções, a máscara de impunidade dos seus actores está presente e respira-se o receio que um nó final possa arrochar os fundamentos da verdadeira democracia. Quo vadis democracia?! Ou antes, para onde pretendem que caminhes, porquê e para quê? O sentimento e o estado de alma da sociedade actual são de desconfiança, insegurança e desesperança que se colam à pele do cidadão comum, e uma réstia de força anímica parece não ser suficiente para, em tempo útil, recolocar o pundonor no exercício da democracia. A reinstalação da esperança torna-se prioritária para que se restaure a confiança nas instituições e no poder político eleito livremente. Mas tudo depende do papel dos mesmos (instituições e políticos) no desempenho, na interpretação e na reavaliação da democracia que se caracteriza pelo respeito e pela tolerância face à vontade, ao querer e ao crer dos cidadãos conscientes dos direitos e deveres cívicos e políticos.

publicado por momento do café às 16:12

19
Ago 09

Quem disse isto?

..."fiz parte de uma minoria, nasci loira num país maioritariamente de morenos"...

publicado por momento do café às 13:05
Tags/etiquetas: , ,

A suspeição está lançada! Segundo o que se veicula nos media, alegadamente, a Casa Civil da Presidência da República suspeita que está a ser vigiada há ano e meio*. Agora é o vale tudo para se lançarem suspeições sobre tudo e todos. Isto tudo faz-me recordar Watergate, Nixon, Garganta Funda, republicanos, democratas, Washington Post... No jogos de poder, agora que se caminha para as legislativas, parece evidente que meios e recursos mais ou menos escusos se utilizam para atingir os objectivos eleitoralistas. Fico pasmada com tal suspeição e, por só agora, ter sido revelada. Estão semeadas as dúvidas quanto às alegadas suspeitas e sendo assim, também me espanta o momento de oportunidade. Espero que seja somente uma polémica sem qualquer fundamento nas relações entre Belém e S. Bento para agitar a silly season.

 


*ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1396733&idCanal=12

publicado por momento do café às 11:38
sinto-me:

18
Ago 09

Tal como acontece na sociedade dos homens, algumas vespas instalam-se indefinidamente no vespeiro ou, em algumas fases, parasitaram os sucessivos caciques até à conclusão do seu ciclo de maturação política. Lutam para que sua influência “política” seja representativa no vespeiro. Em associação surda com outras vespas, parasitam e vão organizando o seu vespeiro exclusivo no seio do vespeiro mais amplo e comum e deste retiram todos os meios e recursos que lhes possibilitem a recolha e o sustento do apoio que necessitam sempre que sintam periclitante a posição que foram alcançando. Dentro do vespeiro vão construindo a sua própria verdade e opinião e congregam os seus núcleos de aceitação até ao momento em que a vontade da vespa-rainha, numa acção de limpeza, se imponha. Essas vespas, ora desinstaladas do seu endoparasitismo político, conhecedoras da volatilidade das vespas suas apoiantes que, face a uma circunstancial medida da vespa-rainha, tomam a conveniente atitude de alinhamento e comunhão nas suas decisões, vão zumbindo sem que percam qualquer oportunidade de desafinarem num outro zumbido, mais controverso, que se faça ouvir e venha a atingir um som altamente insuportável, com efeitos desgastantes sobre quem comanda essa espécie social que é a vespa. Mas, eis que em socorro da vespa-rainha, ouve-se o forte zumbido de apoio que um vespão, no jardim plantado no mar, emite estrondosamente para que se sobreponha ao zunzum descontente e incomodamente polémico contra e a favor da inclusão de umas vespas e a exclusão de outras numa lista que resulta da acção de limpeza levada a cabo pela vespa-rainha. Até que tudo esteja arrumado, há quem afirme que a polémica é normal. Como se luta renhidamente pelo poder!

publicado por momento do café às 15:54

16
Ago 09

Correio da Manhã
16 Agosto 2009 - 00h30
Legislativas: São quatro os filhos de autarcas a concorrer ao lugar de deputado
Familiares ‘enchem’ listas do PSD

A ser verdade, compreende-se o zumbido que vai pelo vespeiro que sempre caracterizou o PSD e é evidente que as contínuas lutas pelo poder e pela opinião única e corrente sempre foram constantes neste partido. Tem-se assistido que há relações tensas no partido desde que foram elaboradas as listas com nomes de alguns candidatos escolhidos. Agora, vem ao conhecimento público que as listas estão cheias de familiares de outros políticos do partido. É um caso de aposta na linhagem. Boa maneira de impor o critério de estirpe e herança nos cargos políticos. Mas é tudo pelo povo e pela causa pública. Entra-se no “carreirismo” político e é sempre a abrir... que um tacho já está no horizonte quando se tem o “privilégio” de nascimento em berço alaranjado. Assim de impulso, leva-me a pensar que o primeiro critério de opção é o pedigree político!!!

publicado por momento do café às 16:25

Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
14

17
20
21

23
24
25
26
28

30
31


arquivos
2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


Dia Mundial da poesia - Desafio Blogs do Sapo 2011

VISITAS

Obrigada a quem passa pelo momento do café! Comentários e opiniões são bem-vindos!

mais sobre mim
pesquisar
 
DIREITOS DE AUTOR

dir autorpq.png

*Textos e imagens de outra autoria e proveniência publicados neste blog são devidamente referenciados no respetivo post.

Tradutor
Porto e o Douro

...........................................................................

Boa Nova: Farol e mar

Do terraço vejo o mar...

o pôr-do-sol...

20161227_170628.jpg